"Enquanto não conseguirmos suprimir qualquer uma das causas do desespero humano, não teremos o direito de tentar a supressão dos meios pelos quais o homem tenta se livrar do desespero."
Antonin Artaud

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

série: "visita ao dicionário"

há algum tempo quero dar início a uma série a qual poderia chamar "visita ao dicionário", ou outro termo que exprimisse aquela busca intermitente por conhecer as palavras da nossa língua (e de outras línguas que provoquem interesse). ao ler um texto, um livro, uma poesia, um excerto que seja, sempre visito palavras as quais desconheço o sentido, ou que sou capaz de deduzi-lo, porém não posso afirmar com certeza seu caminho. então, busco um dicionário qualquer, o que está em cima da mesa, na biblioteca, algum "dic virtual" ou algum amigo que o saiba. enfim, sempre numa busca por possibilidade abrangente de expressão e comunicação. aliás, dentro do possível. pois esta comunicação, por mais que completa em si, ainda deixa a desejar, ainda é falha por si própria, incompleta, apesar de bastante útil.
já iniciando com algumas palavras que me apareceram sobre as mãos hoje e que desconhecia-lhes o significado:


. quimérico
adj.
fantástico, fabuloso; utópico; ilusório.

. quimera
s. f.
monstro fabuloso; utopia; ilusão.

. amiúde,
adj.
frequentemente; a breves intervalos; repetida e intensamente.

. atavismo
s. m.
hereditariedade; semelhança com antepassados, por herança genética.


sobre a qual eu não estava certo sobre, porém tinha certa idéia do sentido:

. estóico
do Lat. stoicu < Gr. stoikós, do pórtico

adj.
relativo ao estoicismo;
rígido;
firme;
inabalável;
austero;
impassível;

s. m.
fig. homem austero, severo.


. estoicismo
s. m.
doutrina filosófica de Zenão que pretendia tornar o homem insensível a todos os males físicos e
morais;
austeridade;
firmeza na dor, no sofrimento;
inflexibilidade moral.


sobre as quais busquei significado há algum tempo e que me satisfazem bastante (uma palavra que dentro das palavras é uma a se destacar, aquelas as quais nunca se esquece, uma palavra-musa):

. idiossincrasia
do Gr. idiosygkrasía < ídios, próprio + sýkrasis, constituição, temperamento
s. f.
disposição do temperamento de um indivíduo para sentir, de um modo especial e privativo
dele, a influência de diversos agentes;
reacção individual própria a cada pessoa;

Med.
reacção individual particular, perante um agente terapêutico.

. indelével
adj. 2 gén.

que se não pode apagar;

indestrutível;

inextinguível;

durável.

. inefável
do Lat. ineffabile
adj. 2 gén.

que se não pode exprimir pela palavra;
indizível;

inebriante;

encantador;

delicioso.




marcus.

Um comentário:

marcus. disse...

excerto

do Lat. excerptu, colhido de


s. m.,
trecho;
extracto;
fragmento.