"Enquanto não conseguirmos suprimir qualquer uma das causas do desespero humano, não teremos o direito de tentar a supressão dos meios pelos quais o homem tenta se livrar do desespero."
Antonin Artaud

quinta-feira, 26 de julho de 2007

Ofuscante Sonoro


Ludwig van Beethoven

apenas para marcar, o que porta a que mais aprecio com toda devoção da, melodia do plano classico( e do profundo "ouvir emoções"), e introdutor para mim. Marcou muitos momentos dessas cores. Marcu, falta unzélipê do monstro hein?

2 comentários:

Victor disse...

Pra mim a música de Beethoven é alguma coisa como o MAR, me dar uma impressão esmagadora, me enche de admiração, me inspira entusiasmo por facilitar minhas expressões emotivas e me inspira sobretudo Medo, medo da inevitável e constante relação de suas obras com o infinito,o que o torna, naturalmente, inatingível e incompreendido para alguns que procuram senti-lo.

Gilson disse...

amanha estarei apresentando um seminário sobre música alemã. A profundidade deste músico me conquista.